Microdermoabrasão - Peeling de Diamante




A microdermoabrasão é um procedimento de esfoliação mecânica, progressiva e controlada. Essa esfoliação desencadeia uma inflamação localizada, onde os fibroblastos irão atuar no processo regenerativo do tecido.

O processo de abrasividade atinge a pele em suas diferentes subcamadas e depende de diversos fatores tais como: pressão do equipamento, velocidade do movimento, tempo de exposição, número de repetições da mesma área, força exercida pela mão do profissional e tipo de pele do paciente. 

O tratamento com microdermoabrasão tem como objetivo: melhorar a permeabilidade cutânea, aumentar e renovação celular e espessura da epiderme, uniformizar a pigmentação e induzir uma reação inflamatória. 
 
Muito menos agressivo que alguns peelings químicos, o peeling de diamante consiste em uma microdermoabrasão superficial na qual se utiliza a ponteira diamantada de um aparelho de endermologia a vácuo, para promover a esfoliação. Esta pode ser mais ou menos intensa dependo da finalidade do local tratado. 




Caneta do peeling de diamante e suas ponteiras

Para que os resultados sejam evidentes é preciso realizar um certo número de sessões. O tratamento é progressivo e pode ser feito em todos os tipos de pele, inclusive nas morenas e nas bronzeadas. Somente uma parte da epiderme é retirada com este peeling. É realizado em consultórios e clínicas e não produz efeitos colaterais.


A sessão leva em torno de 30 a 40 minutos. É feita primeiramente a higienização da pele a ser tratada, em seguida é feita a aplicação do peeling com uma ponteira pré selecionada pelo profissional de acordo com a necessidade do caso. A aplicação do aparelho leva em torno de 15 a 20 minutos. 
Após a aplicação o profissional seguirá com o protocolo de acordo com o tratamento abordado, mas se for uma sessão de peeling de diamante apenas para trabalhar o viço dessa pele, por exemplo, é aplicado uma máscara nutritiva/hidratante. 
A sessão é finalizada com a aplicação de protetor solar e o paciente pode retornar imediatamente a sua rotina, apresentado a pele levemente avermelhada; devendo apenas evitar a exposição solar.

Na imagem: células mortas e sujidades retiradas pelo peeling de diamante realizado na região de costas e pernas.
 
Indicações:
- Poros dilatados;
- Linhas de expressão suaves;
- Cicatriz pós acne, pós cirúrgica e pós afecção dermatológica;
- Fotoenvelhecimento cutâneo;
- Hipercromias;
- Queratose pilar;
- Estrias;
- Pré cirúrgico estético;
- Preparação para outros tratamentos estéticos.

Dica para o profissional:
Para higienizar a caneta e suas mãos, antes do procedimento, utilize a solução Higisystem.

Produtos que podem ser utilizados antes do procedimento:
  1. Emulsão de limpeza: ação demaquilante, dá início a emoliência;
  2. Peeling Esfoliante: remoção de células mortas;
  3. Sabonete líquido: ação dermopurificante.
Este procedimento pode ser associado a diversos protocolos e tratamentos diferentes, como: 
  • Limpeza de pele: aplicado antes da limpeza, faz a retirada de pequenos comedões, uma esfoliação mais profunda que o esfoliante convencional, trazendo um resultado melhor ao final do procedimento;
  • Clareamento de manchas: pode ser aplicado alguns dias antes do peeling químico, com a finalidade de afinar a pele a ser trabalhada. Em caso de peles resistentes, pode ser aplicado intercalado com as sessões de peeling químico, auxiliando assim a permeação dos ácidos na pele.
  • Rejuvenescimento: para auxiliar na permeação dos ativos e remoção das células mortas, pode ser aplicado junto com o protocolo de rejuvenescimento, garantindo assim melhores resultados e maior absorção dos dermocosméticos;
  • Tratamento de estrias: pode ser combinado com um peeling químico para o tratamento de estrias. É um pouco agressivo, deve ser aplicado com cautela e de acordo com a resistência da pele tratada;
  • Tratamento de queratose pilar: auxilia na remoção de células mortas e afinamento da espessura da pele. Associado com dermocosméticos nutritivos e hidratantes, tem resultados satisfatórios. 
 Para poder demonstrar melhor os resultados do peeling de diamante, trouxe uma foto de antes e depois de uma paciente minha que eu associei o peeling com hidratação:
 

Antes e depois de 1 sessão de peeling de diamante + hidratação

Podemos observar a melhora da oleosidade da pele, melhora do viço e luminosidade, uniformização do tom e redução de linhas finas. 
Para essa essa paciente são indicadas mais 4 sessões, com intervalo de 7 a 15 dias.

Espero que tenham gostado, qualquer dúvida é só mandar nos comentários que estarei a disposição.

Obrigada pela visita, volte sempre! :) 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário